Codando: Visual Studio Code

Quem programa, sabe: Passamos horas e horas olhando para um editor de textos…

Um editor bacana a gente conhece de longe, não é? Interface, recursos, velocidade e etc… Eu sempre gostei muito do Notepad++; ele é completo, cheio dos plug-ins, temas customizavéis e uma infinidade de sintaxe de linguagens suportadas.

Microsoft lançou o Visual Studio Code, todo baseado em tecnologias open-source, uma interface simples e prática. De inicio eu me perdi um pouco, mas acho que é natural, né? Logo de cara eu notei que ele suporta o realce de sintaxe para HTML, CSS e JS… Agora que eu comecei a brincar com essas paradas de web, descobri que suporta PHP também! Aah, sem contar que é multiplataforma 😉

Podemos instalar novas extensões para ele através do atalho Ctrl+P, digitar a extensão que você quer adicionar, exemplo: “ext install ftp-sync”. O ftp-sync sincroniza os arquivos editados diretamente com o seu FTP.

Gostou? Dá uma conferida no visual dele aqui em baixo, e se precisar de mais detalhes, dá uma estudada no site oficial da ferramenta!

tela-vss

 

Uma aventura no Linux

Depois de mais de uma década de MS Windows, resolvi migrar meu desktop para Linux.

Eu sempre fui um admirador do mundo open source, mas ultimamente eu tenho dado um pouco mais de atenção para o assunto, entende? Tirando um curso que fiz na 4Linux, toda a minha vida na informática foi voltada para o cenário da Microsoft, e de vez em quando eu acabado sendo dominado pela vontade de novos desafios. Dessa vez eu acatei…

Ok, por que Linux? Na verdade, eu queria mesmo era um Mac… Mas a grana tá curta no momento.

Escolher qual distruição usar é sempre o primeiro desafio de quem resolve migrar para o universo livre. Me recordo que na faculdade eu usava a mais famosa de todas, o tal do Ubuntu; era legal e tudo mais, mas era muito lento… Jesus! Então iniciei a minha jornada em busca de uma “distro”. (O pessoal que manja fala assim… Deve ser alguma abreviação para distribuição)

Abandonei o Ubuntu logo de cara, é claro. Muito lento. Eu queria alguma coisa diferente do que já tinha visto por aí: Mint, Fedora, Elementary e até um que o pessoal falava na faculdade, um tal de Arch…

Pesquei por umas duas semanas e acabei chegando no Manjaro. Na hora eu achei o nome engraçado pra caramba e fiquei me imaginando respondendo pra galera: Ei qual SO você usa? Eu uso o que os que “manja” usam: Manjaro! HAHAHAHA… que merda

Vou por um print do meu desktop para quem quiser conferir o visual dele… O que eu baixei vem com um tema branco por padrão, mas é possível deixar ele todo dark, assim como eu deixei o meu! ;p

tela_001

Site do projeto: Manjaro

Conforme eu for descobrindo as paradas nele eu venho contar aqui… Abraços!!